Provas no Domaine La Colombière Abril 2017

Chegamos ao Fronton num dia duro: a geada da noite anterior impactou profundamente o vinhedo dos Cauvin, da Colombière matando plantas jovens e queimando os brotos que já estavam bem crescidos. Para eles que trabalham na recuperação de castas antigas perder vinhas plantadas é muito duro. Caminhar pelo vinhedo dava uma visão triste… tudo queimado.

O rosto do Philippe Cauvin era só desconsolo, dia do seu aniversário, triste, sem muita saída… safra comprometida.

O seguro, quando existe, não cobre intempéries…

Sem muito o que falar, fomos direto para a mesa almoçar… trutas – aspargos e vinhos da casa :-)))

Provamos várias cuvées de 2014, 2015 e 2016: Vin Gris 2016, Jacquaires 2016, Grand B 2015, Vinum 2015, Reserve 2015, Coste Rouge 2014, Bellouguet 2014, Colombulles 2016 e depois fomos provar nos tanques e barricas o que vem por ai no futuro.