Pithon

País: França          Região : LANGUEDOC-ROUSSILLON

Olivier Pithon: NO CALCE COM Método e paixão

Pithon VinhedoO vilarejo do Calce é um lugar realmente especial e único, entre o Mar Mediterrâneo, os Pirineus e os Corbières, outro maciço montanhoso. Com o vinhedo situado a 300 metros de altitude num terroir extremamente rico com Marnas, Xistos e Calcários. Olhando a carta geológica da região do Calce dá para entender o porquê de tantos vinhateiros irem para lá e produzirem super vinhos.

Quanto às vinhas, como diz o Olivier: “Precisei de dez anos para recuperar a vida aos solos que a geração anterior matou. Hoje os solos são vivos e expressivos, e a biodinâmica está aqui para torná-los sublimes.  Como na agricultura orgânica, a biodinâmica é um meio apenas, e nunca um valor de qualidade dos vinhos”. Lavra a terra quando e se necessário, com apoio de cavalo ou com apoio de trator quando possível e sem danificar as vinhas.

Pithon Cavalo A vindima é manual, feita durante um mês inteiro, um dia no Olivier Pithon outro no Jean-Philippe Padié, com as mesmas equipes, uma bela colaboração entre grandes vinhateiros e grandes amigos. É claro que foi assim que chegamos ao Pithon, via o Padié!

Os vinhos do Pithon se dividem em três grupos: os de matar a sede, os Laïs (que tem esse nome pois é o nome da vaca Jersey do Olivier, e os parcelares que partem para super vinhos… Vamos começar com a vaquinha é claro !!! Todos precisos e realmente são belas fotos do terroir de onde vem.

No vinhedo Na adega / cantina
Superfície total 19 ha Produtos externos além do SO2 Não
Rendimento médio 2400-5000 l/ha SO2 adicionado (mg/l) 0 a 30
Vindima manual Sim Vinhos por safra 8
Tipo de cultura Biodinâmica Vinhos sem adição de SO2 depende da safra

Pithon OlivierOlivier Pithon
uma foto que fala mais que palavras
“Como temos uma vida só: me dedicar totalmente às minhas vinhas para que o retorno seja nas suas uvas e no meu vinho.  Orgulho-me dele, botando minhas tripas, meu suor, meu amor, meus desejos, minha alegria e meus sonhos. A agricultura orgânica para mim é uma evidência, uma marca de respeito, uma exigência qualitativa, uma escolha de vida. Ilógica economicamente para uma numa empresa como a minha, mas eu não sei ser de outra forma que inteiro, generoso e natural”

http://www.olivierpithon.com/

CERTIFICAÇÕES ORGÂNICAS e SELOS

ab-france


Presença em restaurantes com estrelas Michelin

1 estrela
Brasil –

França –  

2 estrelas
França –
Japão – 
Cuisine[s] Michel Troisgros (Tokyo)


Vinhos
tinto: Cuvée Laïs Rouge
brancos: Cuvée Laïs Blanc


Artigos sobre o vigneron: